Victor Santos Rufino

Procurador-Chefe do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), no período de janeiro de 2014 a maio de 2017, tendo sido conduzido e reconduzido ao cargo após indicações pela Presidência da República e aprovações pelo Senado Federal, procedidas após sabatinas na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) nos anos de 2013 e 2015.

Procurador-Chefe Adjunto do Cade, no período de 2011 a 2014, Coordenador de Setor de Contencioso da Procuradoria do Cade, no período de 2009 a 2011, e Coordenador Substituto do Setor Consultivo da Procuradoria do Cade no período de 2008 a 2009.

Foi membro da comissão de normas infralegais do Cade responsável pelas sugestões de veto à Lei 12.529/2011 e pela elaboração do novo Regimento Interno do Cade, aprovado após à entrada em vigor desta lei.

Procurador Federal, no período de 2006 a 2017.

Doutorando em Direito Comercial pela Universidade de São Paulo (USP).

Mestre em Direito Econômico pela Universidade de Brasília (UnB), com o tema “Os Fundamentos da Delação: Análise do Programa de Leniência do Cade à Luz da Teoria dos Jogos.

Pós-graduado em Direito da Concorrência pela EDESP/GVLaw da Fundação Getúlio Vargas.

Extensão: Advanced Negotiation – Center for UC Berkeley Executive Education.

Professor em cursos de graduação e pós-graduação nas áreas de Direito Econômico e Direito da Concorrência.

Aprovado no concurso para Procurador Federal em 2006.

Aprovado no concurso para Procurador do Banco Central em 2006.

Aprovado no concurso para Procurador da Fazenda Nacional em 2006.

Aprovado no concurso para Advogado da União em 2006.